São Paulo, SP, Brazil
Mãe, filha, irmã, amiga, atriz. Escrevo meus pensamentos, minhas angustias, meus encantos e desencantos. Interpreto pessoas, formas, vida. Leio de pouco um tudo e decoro textos, rostos, amores. Viajo distante pra dentro e fora de mim. Meu senso de justiça não permite que eu seja boazinha, mas também não sou má. Acredito sempre que existe recuperação em seres realmente humanos. Apaixono e desapaixono com facilidade, mas amo incondicionalmente. Acredito em fantasias, fadas e tudo que possa fazer bem para a alma, mas elevo meus pensamentos, agradecimentos e desejos a Deus. Cristiane Rosa (A Puguinha)

Publicações

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

INSÔNIADA

Sou uma mulher de 30
desesperada
surtada e desempregada
fui crucificada
hoje seguro minha espada
toda despedaçada,
para me fortalecer dessa mente desvairada
com feridas dilaceradas
já fiz amor na escada
nunca fui espancada
mas hoje estou espantada
eu diria mais, estou indignada
um pouco frustrada
mas com a esperança aumentada
depois de uma rebolada
ouvindo Abba deitada
permaneço e sonho acordada
com um monte de filharada em volta da mesa comendo minha feijoada
mas eu não sei cozinhar nada
talvez seja culpa dessa modernizada
que enlouquece a mulherada e deixa essa moçada contraditóriamente atrasada
já me senti culpada
por ser tão lesada
já me senti apaixonada
por um cara de cara lavada
ter 30 é melhor que nada
mas sem dúvida dá uma assustada
algumas pessoas estão nessa parada
e enquanto a insônia me deixa acordada
fico com vontade de tomar uma gelada
mas lá fora deu uma esfriada
a lua faz seu papel com aquela brilhada
e sai de mancinho para a próxima clariada

Cristiane Rosa 14/08 - 03:20am